PSV perde na Grécia por 4 a 2

 PSV perde na Grécia por 4 a 2

No primeiro encontro da história entre Olympiacos Pireu e PSV, quem levou a melhor foi a equipe grega que venceu o duelo por 4 a 2 e terá que defender a vantagem na Holanda, na próxima semana.

O PSV esteve atrás do placar em quatro vezes, mas em apenas duas oportunidades, conseguiu empatar o placar.

🇬🇷 Com a vitória, o Olympiacos Pireu viajará para a Holanda na próxima semana, podendo empatar e perder por até um gol de diferença. Se perder por dois gols de diferença, a equipe grega terá que fazer no mínimo três gols, no caso um placar por 5 a 3.

🇳🇱 Já o PSV voltará para a Holanda e terá um compromisso no próximo final de semana contra o Vitesse no PSV. Na próxima quinta-feira, o PSV receberá o Olympiacos Pireu.

🇬🇷 Pedro Martins manteve o mesmo time titular que perdeu para o Panathinaikos no final de semana passado pelo campeonato grego.

📋 Olympiacos Pireu: José Sá, Sokratis Papastathopoulos, Ousseynou Ba, Oleg Reabciuk, Kenny Lala, Mady Camara, Andreas Bouchalakis, Yann M’Vila, Mathieu Valbuena, Youssef El-Arabi e Bruma.

🇳🇱 Já Roger Schmidt fez duas mudanças na equipe titular. Timo Baumgartl e Yorbe Vertessen voltaram para o banco de reservas e Denzel Dumfries e Mario Götze foram titulares.

📋 PSV: Yvon Mvogo, Denzel Dumfries, Olivier Boscagli, Philipp Max, Jordan Teze, Ibrahim Sangaré, Pablo Rosario, Mario Götze, Ryan Thomas, Eran Zahavi e Donyell Malen.

🇬🇷 1×0: Aos 09 minutos, em cobrança de falta, Mathieu Valbuena mandou na cabeça de Andreas Bouchalakis que subiu mais alto que Pablo Rosario e finalizou para o fundo das redes de Yvon Mvogo.

🇳🇱 1×1: Não demorou muito para o PSV empatar a partida. Aos 14 minutos, Eran Zahavi tabelou com Ibrahim Sangaré. O atacante israelense passou pela marcação de Mady Camara e finalizou em direção ao gol de José Sá, mas para a sorte dos Boeren, a bola desviou no joelho de Sokratis Papastathopoulos e enganou completamente o goleiro grego que viu a bola morrer no fundo das suas redes.

🇬🇷 2×1: Aos 37 minutos, a defesa do PSV cortou um cruzamento para a entrada da grande área. Mas os defensores Boeren não contavam com Yann M’Vila chegando para finalizar de perna direita, no canto esquerdo de Yvon Mvogo.

🇳🇱 2×2: Dois minutos depois de levar o segundo gol, os Eindhovenarens chegaram ao gol novamente do empate. Philipp Max cobrou escanteio na cabeça de Eran Zahavi que sem sair do chão, finalizou de cabeça e deixou tudo igual na Grécia.

🇬🇷 3×2: Nos acréscimos do primeiro tempo, o Olympiacos Pireu ficou na frente do placar, novamente. Timo Baumgartl tentou recuar a bola para Yvon Mvogo e foi pressionado por Youssef El-Arabi. O atacante do time grego roubou a bola do defensor holandês, passou por Yvon Mvogo e teve toda a liberdade do mundo para fazer o terceiro dos gregos.

🇬🇷 4×2: Quando o jogo estava encaminhado para uma vitória por um gol de diferença do Olympiacos Pireu, o time da casa chegou ao quarto gol que dificultará a vida dos holandeses no Philips Stadion, na próxima semana. A bola foi cruzada para a grande área, bateu no calcanhar de Philipp Max e se ofereceu para a finalização de Georgios Masouras para ampliar a vantagem dos gregos.

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *