SC Telstar bate FC Dordrecht por 2 a 0

 SC Telstar bate FC Dordrecht por 2 a 0

Nesta quinta-feira, tivemos o início da 13º rodada da Keuken Kampioen Divisie, a famosa segunda divisão holandesa e abrindo os trabalhos, nós vimos a vitória do SC Telstar por 2 a 0 em cima do FC Dordrecht, no Rabobank IJmond Stadion.

Sem vencer os Leões Brancos desde 2014, o FC Dordrecht sabia que teria uma missão nada fácil no Rabobank IJmond Stadion e isso foi confirmado com dois gols de Glynor Plet, os Schapenkoppen perderam mais uma vez para o SC Telstar e finalizam mais um ano sem vencer o SC Telstar.

A vitória fez o SC Telstar chegar aos 19 pontos em treze jogos. A equipe comandada por Andries Jonker somou a quinta vitória na competição e subiu para a oitava colocação.

Já o FC Dordrecht, segue afundado na lanterna da Keuken Kampioen Divisie com apenas 05 pontos somados em 13 jogos. O time comandado por Harry van den Ham venceu apenas uma partida.

⚪ Após duas derrotas seguidas para o Go Ahead Eagles e NAC Breda, Andries Jonker apostou em manter a mesma base do time titular e fez apenas uma mudança na equipe. Sebastian Soto retornou ao onze inicial e Welat Cagro foi para o banco de reservas.

📋 SC Telstar: Jasper Schendelaar, Ilias Bronkhorst, Benaissa Benamar, Redouan el Yaakoubi, Frank Korpershoek, Shayne Pattynama, Sven van Doorm, Dan Adshead, Anass Najah, Glynor Plet e Sebastian Soto.

🟢 Por outro lado, Harry van den Ham segue na sua missão pessoal de encontrar um time titular ideal para o FC Dordrecht e após a derrota para o De Graafschap na rodada passada por 2 a 0, Harry van den Ham fez duas mudanças na equipe. Özgür Aktaş e Nikolas Agrafiotis deram as suas vagas para Dehninio Muringen e Kürşad Sürmeli.

📋 FC Dordrecht: Anthony Swolfs, Bradley Vliet, Dehninio Muringen, Julius Bliek, Robin Polley, Jari Schuurman, Kevin Jansen, Kevin Vermeulen, Kürşad Sürmeli, Arsenio Valpoort e Gianni dos Santos.

1×0: Aos 59 minutos, Frank Korpershoek finalizou de fora da grande área, a bola desviou em Dehninio Muringen. Anthony Swolfs precisou se esticar todo para evitar que a bola entrasse na sua meta. O problema é que ele espalmou para o lado e Glynor Plet chegou mais rápido para estufar as redes dos Schapenkoppen.

2×0: O gol que sacramentou a vitória dos Leões Brancos aconteceu aos 62 minutos, quando Frank Korpershoek serviu Glynor Plet que saiu de cara com Anthony Swolfs e marcou seu quinto gol na temporada da Keuken Kampioen Divisie.

Tarcisio Neri

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *