HUMILHADO! PSV é goleado na Grécia

 HUMILHADO! PSV é goleado na Grécia

Na Grécia, tudo indicava que o PSV conseguiria fazer um bom jogo diante do PAOK Salonica, afinal de contas, os comandados de Roger Schmidt vinham de uma boa sequência de resultados e desempenhos e nada mais do que natural vencer o PAOK Salonica.

O PSV saiu na frente, mas viu os gregos virarem a partida no Stadio Toumbas e vencer o confronto por 4 a 1.

📊 Como Fica? 📊

A derrota complica a situação do PSV que agora precisará vencer de qualquer jeito o PAOK Salonica na próxima rodada em jogo que acontecerá na Holanda.

A equipe de Roger Schmidt está com três pontos na terceira colocação, dois pontos a menos que a equipe grega que é o segundo colocado. O líder é o Granada CF que está com sete pontos.

Antes de enfrentar o PAOK Salonica novamente pela UEFA Europe League, o PSV terá dois jogos pela Eredivisie e uma pausa para os jogos das seleções.

📃 Escalações 📃

Para o confronto contra o PAOK Salonica, Roger Schmidt fez duas mudanças em relação ao time titular que venceu o ADO Den Haag no último final de semana.

Philipp Max e Pablo Rosario retornaram a equipe nas vagas de Adrian Fein e Mauro Júnior.

PSV: Yvon Mvogo, Olivier Boscagli, Philipp Max, Jordan Teze, Ibrahim Sangaré, Mohamed Ihattaren, Pablo Rosario, Mario Götze, Ryan Thomas, Eran Zahavi e Donyell Malen.

⚽ Gols ⚽

0x1: Com 19 minutos, Stefan Schwab pisou no pé de Donyell Malen entrou da grande área na frente de Daniel Stefański. O árbitro não pensou duas vezes e marcou penalidade máxima. Na cobrança, Eran Zahavi o cobrador oficial de pênaltis do clube de Eindhoven, pegou a bola e não deixou nem Živko Živković sair na foto. A bola foi para um lado e o goleiro foi para o outro.

1×1: O PSV conseguia controlar bem a partida, mas no primeiro vacilo na segunda etapa, o PAOK Salonica empatou a partida. Christos Tzolis cobrou falta e mandou a bola para a grande área do PSV. A defesa Boeren cortou, mas livre de marcação, Andrija Živković pegou o rebote e finalizou. No caminho da bola, apareceu o pé esquerdo de Stefan Schwab para colocar a bola no fundo das redes de Yvon Mvogo.

2×1: Aos 55 minutos, Ryan Thomas é pressionado por dois marcadores do PAOK Salonica e falha ao tentar sair jogando. Karol Świderski rouba a bola de Ryan Thomas e parte em direção ao gol de Yvon Mvogo. Com a defesa totalmente exposta ficou fácil para a bola chegar em Andrija Živković que antes finalizar, tirou Ibrahim Sangaré da marcação e mandou a segunda bola para o fundo das redes do goleiro do PSV.

3×1: Três minutos após tomar o gol da virada, os Eindhovenarens tomaram o terceiro gol. A bola passou de pé em pé pelo time do PAOK Salonica até chegar em Christos Tzolis que recebeu na sua área e puxou o contra-ataque.

O atacante chegou na entrada da grande área do PSV sem ninguém tentar roubar a bola. Com toda essa liberdade, Christos Tzolis teve tempo para ajeitar a bola e finalizar com muita qualidade e aumentar a vantagem da Águia de Duas Cabeças.

4×1: Com a vantagem no placar, o PAOK Salonica deixou a bola nos pés do PSV que nada conseguia criar. Aos 66 minutos, Olivier Boscagli tentou fazer um lançamento para acionar o brasileiro, Mauro Júnior na ponta direita.

O brasileiro dominou mal e o PAOK Salonica conseguiu roubar a bola e partir em mais um contra-ataque. Novamente com a defesa totalmente exposta, Christos Tzolis não teve trabalho para acionar Andrija Živković na ponta direita.

O camisa 07 da Águia de Duas Cabeças dominou e mandou um belo chute da entrada da grande área. Yvon Mvogo nada conseguiu fazer para evitar o quarto gol grego.

Tarcisio Neri

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *