DEU ZEBRA! Feyenoord perde em casa para Wolfsberger AC da Áustria com dois erros decisivos da arbitragem

 DEU ZEBRA! Feyenoord perde em casa para Wolfsberger AC da Áustria com dois erros decisivos da arbitragem

Nesta quinta-feira, o Feyenoord foi a primeira equipe holandesa a entrar em campo pela segunda rodada da fase de grupos da UEFA Europe League.

Todos esperávamos uma vitória e de certa forma confortável, por mais que Dick Advocaat tivesse diversos desfalques para armar a equipe titular.

Mas não foi isso que vimos no De Kuip. Com uma arbitragem horrível Srđan Jovanović da Sérvia, o Feyenoord viu o Wolfsberger AC receber dois pênaltis com menos de 15 minutos de bola rolando.

Ao final do jogo, o Feyenoord saiu derrota por 4 a 1 e viu sua situação se complicar na fase de grupos da UEFA Europe League.

📊 Como Fica? 📊

Com a derrota, o Feyenoord segue com apenas um ponto somado em dois partidas. Para fechar o primeiro turno, o Feyenoord terá que receber em casa na próxima quinta-feira, os russos do CSKA Moscou.

O Stadionclub é o último colocado e caso consiga uma vitória diante da equipe russa, voltará a brigar forte por uma vaga na próxima fase.

Mas antes, os comandados de Dick Advocaat terão que encarar o FC Emmen fora de casa pela sétima rodada da Eredivisie.

📃 Escalação 📃

Dick Advocaat teve diversos problemas para armar a equipe, mas mesmo assim, procurou manter uma base de jogadores que vem atuando juntos.

Em relação ao empate contra o RKC Waalwijk no último final de semana, Dick Advocaat fez apenas duas mudanças na equipe.

Eric Botteghin precisou entrar na vaga de Marcos Senesi que estava suspenso, após ser expulso na Croácia contra o GNK Dinamo Zagreb e Lutsharel Geertruida entrou no lugar de João Carlos Teixeira que se machucou no final de semana.

Justin Bijlow, Bart Nieuwkoop, Ridgeciano Haps, Lutsharel Geertruida, Uroš Spajić, Eric Botteghin, Mark Diemers, Orkun Kökçü, Jens Toornstra, Steven Berghuis e Bryan Linssen.

⚽ Gols ⚽

0x1: Com apenas 03 minutos de bola rolando, Michael Liendl acionou Christopher Wernitznig que passou nas costas de Eric Botteghin. Quando ele viu que não iria chegar na bola, se jogou e o árbitro sérvio caiu na dele, marcando penalidade máxima para os visitantes. Na cobrança, Michael Liendl, ex-FC Twente não desperdiçou e abriu a contagem em Roterdã.

0x2: Aos 13 minutos, outro pênalti para o Wolfsberger AC. Srđan Jovanović entendeu que Uroš Spajić derrubou Christopher Wernitznig dentro da grande área. Na cobrança, novamente ele, Michael Liendl bateu e converteu.

Com dois gols sofridos por erros da arbitragem, o Feyenoord sentiu demais esses erros e não teve forças para conseguir ao menos empatar a partida.

1×2: Apenas no segundo tempo o Feyenoord conseguiu furar a retranca austríaca. Aos 53 minutos, Luciano Narsingh desceu pela esquerda e tocou para o meio da grande área, onde Steven Berghuis apareceu e finalizou para o fundo das redes de Alexander Kofler.

1×3: Michael Liendl fez o terceiro dele e o terceiro do Wolfsberger AC aos 60 minutos, após aproveitar vacilo da defesa Rotterdammer.

1×4: O gol que sacramentou a vitória dos visitantes saiu aos 66 minutos. A bola foi alçada na grande área e Justin Bijlow saiu para tentar mandar para longe, o problema é que ele entrou duro demais em Dejan Joveljić. Srđan Jovanović marcou a terceira penalidade. Na cobrança, Dejan Joveljić bateu e fez o quarto da equipe austríaca.

🥴 É Bronca! 🥴

.

📰 Curiosidades 📰

.

⭐ Destaques da Partida ⭐

Bryan Linssen do Feyenoord foi o jogador que mais finalizou ao longo dos noventa minutos. Com uma finalização a menos, vem Michael Liendl com quatro chutes. Desses quatro chutes ao gol, apenas três foram em direção a meta de Justin Bijlow. Pelo lado do Feyenoord, Steven Berghuis foi quem mais finalizou certo, com dois chutes.

Com 81 passes, Orkun Kökçü foi o jogador que mais tocou na bola ao longo do jogo. Atrás dele, veio Michael Liendl com 56 passes. Por outro lado, quem mais passes certo deu foi o defensor do Feyenoord, Uroš Spajić com 76 toques.

O Wolfsberger AC jogou recuado durante boa parte do jogo e isso se refletiu nas defesas, tanto que Alexander Kofler precisou praticar três milagres para evitar uma derrota ou até mesmo o empate do Feyenoord na partida.

📊 Confrontos Diretos 📊

Esse foi apenas o primeiro jogo entre as duas equipes.

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *