Frank Wormuth conhece bem demais o adversário do Feyenoord na UEFA Conference League

 Frank Wormuth conhece bem demais o adversário do Feyenoord na UEFA Conference League

No Brasil, será à tarde, mas na Alemanha, será de noite que acontecerá o duelo entre 1. FC Union Berlin e Feyenoord. No jogo do primeiro turno, o Feyenoord venceu o clube alemão por 3 a 1, em Roterdã, na Holanda. Já neste segundo jogo, o 1. FC Union Berlin terá o apoio dos seus torcedores em um Estádio Olímpico lotado.

Frank Wormuth, atualmente treinador do Heracles Almelo, foi o comandante do 1. FC Union Berlin em 2004, quando o clube conquistou o acesso para a segunda divisão da Alemanha. Para o treinador alemão, o que tornou tudo ainda mais lindo foi a festa que os torcedores fanáticos pelo clube fizeram.

“Na partida da Copa da Alemanha quando estávamos perdendo por 4 a 0 para o SC Freiburg, os torcedores começaram a gritar de um lado ao outro do estádio para incentivar o nosso time. Nossos jogadores e muito menos eu, não estávamos entendendo nada que estava acontecendo” disse Frank Wormuth.

Naquele ano em que Frank Wormuth foi treinador do 1. FC Union Berlin, o clube disputava a terceira divisão alemã e nem tinha licença para disputar competições profissionais. Mas de 1.4 milhões de euros foram alcançados para iniciar a temporada.

Naquele ano de 2004, os torcedores resolveram fazer uma ação para ajudar o clube que tanto amavam. Cada pessoa que doasse sangue, iria receber uma quantia que seria revertida para ajudar o clube. Milhares de torcedores do clube compraram essa ideia e foram doar sangue.

No final, o objetivo foi alcançado e o 1. FC Union Berlin conseguiu entrar na competição. Mas o dinheiro para montar o elenco era muito pouco, então Frank Wormuth precisou fazer milagre para tornar a equipe minimamente competitiva. O 1. FC Union Berlin começou muito bem a temporada, mas depois sofreu seis derrotas consecutivas e Frank Wormuth foi demitido do cargo de treinador do clube.

Foi um golpe duro para Frank Wormuth, mas ele não sente ressentimento quando pensa naquela temporada.

“Dirk Zingler, que ainda é presidente do clube hoje, também era muito novo naquele momento e foi presidente por apenas três meses quando me demitiu. As pessoas ficaram surpresas, mas depois ele disse que também não sabia exatamente o que fazer. Experiência como presidente era necessária naquele momento. Um dos meus sucessores, conseguiu ficar como treinador do clube durante sete temporadas. Dirk Zingler aprendeu com a minha demissão e a continuidade é agora uma das marcas do clube e motivo do 1. FC Union Berlin está na elite do futebol alemão com consistência. Nas últimas temporadas, eles conseguiram montar uma excelente equipe e hoje, incomodam muitos clubes milionários da Alemanha” completou Frank Wormuth.

Os bons resultados e acessos não começou logo em seguida a demissão de Frank Wormuth. Não muito tempo atrás, o 1. FC Union Berlin estava se arrastando na terceira divisão da Alemanha. Depois disso, eles jogaram por anos na segunda divisão. Até que há duas temporadas, eles conseguiram subir para a Bundesliga.

Após um belo 11ª lugar em sua primeira temporada na Bundesliga, as coisas foram melhorando na segunda temporada consecutiva, tanto que o clube terminou em sétimo lugar e disputa a UEFA Conference League nesta temporada. Disputar competições europeias era algo muito distante da realidade do 1. FC Union Berlin naquela época em que Frank Wormuth era o treinador do clube.

Outra coisa que distingue o 1. FC Union Berlin de outros clubes é o chamado “Canto de Natal”. Quando as coisas deram errado em 2003, os torcedores do clube bolaram um plano para cantar canções de natal e futebol juntas no estádio para apoiar o time. O sucesso foi tanto que se tornou uma tradição anual, atraindo milhares e milhares de torcedores ao Estádio Olímpico de Berlim.

Apesar de sua breve passagem pelo 1. FC Union Berlin, Frank Wormuth aconselha qualquer treinador trabalhar no clube.

“Primeiro, pela cultura dos torcedores. É algo sobrenatural o que a torcida deles começa a fazer quando o jogo começa. Existem seis a sete jornais que sempre escrevem sobre o 1. FC Union Berlin. Mas o que quer que eles escrevam, existe uma cultura de não esquentar as coisas. O crescimento é gradativo. É assim que sempre encontram bons jogadores” disse Frank Wormuth.

Mas será que o 1. FC Union Berlin tem o time que precisa para vencer o Feyenoord na Alemanha? “Nesta temporada, Arne Slot vem realizando um trabalho impecável com o Feyenoord. Acredito que o Feyenoord vá vencer o 1. FC Union Berlin na Alemanha. O 1. FC Union Berlin terá que arriscar tudo para ganhar do Feyenoord” finalizou Frank Wormuth.

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *