Lennart Thy brilha e garante vitória do Sparta Rotterdam diante do PEC Zwolle por 3 a 2

 Lennart Thy brilha e garante vitória do Sparta Rotterdam diante do PEC Zwolle por 3 a 2

Em um dos jogos mais emocionantes e movimentados desse sábado, o Sparta Rotterdam bateu o PEC Zwolle por 3 a 2 com direito a dois gols de Lennart Thy para deixar claro que a lei do ex está mais viva do que nunca na Holanda.

A equipe de Roterdã saiu na frente, viu o PEC Zwolle virar, mas nos minutos finais da partida, a estrela de Lennart Thy brilhou para marcar duas vezes e virar a partida a favor dos Gladiadores Alvirrubros.

🕍 Com a vitória, o Sparta Rotterdam chega a uma das melhores sequências da temporada, com três vitórias e dois empates nos últimos cinco jogos. A equipe de Henk Fraser subiu para a 11ª colocação com 34 pontos e poderá ser ultrapassado apenas pelo Fortuna Sittard caso consiga vencer seu compromisso, no domingo. O próximo desafio dos comandados de Henk Fraser será contra o AZ Alkmaar, no AFAS Stadion.

🧿 Pelo lado do PEC Zwolle, a equipe voltou a perder na Eredivisie. Essa foi a décima primeira derrota do clube nesta temporada da competição. Com 29 pontos, os Blauwvingers estão na 13ª colocação e caso o RKC Waalwijk vença seu jogo amanhã, poderá ultrapassar o PEC Zwolle na classificação. Na próxima rodada, o FC Twente será o adversário dos Zwollenaars.

🕍 Após empatar em 1 a 1 contra o Heracles Almelo, Henk Fraser fez três mudanças na equipe titular. Mica Pinto, Tom Beugelsdijk e Sven Mijnans foram titulares nas vagas de Michaël Heylen, Bart Vriends e Aaron Meijers.

📋 Sparta Rotterdam: Maduka Okoye, Dirk Abels, Mica Pinto, Tom Beugelsdijk, Adil Auassar, Sven Mijnans, Abdou Harroui, Wouter Burger, Laros Duarte, Bryan Smeets e Lennart Thy.

🧿 Pelo lado dos Blauwvingers, Bert Konterman também fez três mudanças. Yuta Nakayama, Immanuel Pherai e Slobodan Tedić voltaram ao time titular nas vagas de Mustafa Saymak, Benson Manuel e Thomas Buitink.

📋 PEC Zwolle: Xavier Mous, Bram van Polen, Thomas Lam, Yuta Nakayama, Kenneth Paal, Sam Kersten, Eliano Reijnders, Immanuel Pherai, Dean Huiberts, Virgil Misidjan e Slobodan Tedić.

🕍 1×0: Com apenas 07 minutos de bola rolando, o Sparta Rotterdam abriu a contagem no Het Kasteel. Em boa troca de passes, Abdou Harroui desviou a bola para Mica Pinto que apenas escorou para o fundo das redes de Xavier Mous.

🧿 1×1: Os Blauwvingers chegaram ao gol do empate aos 52 minutos, quando Virgil Misidjan cobrou escanteio, Bram van Polen sem precisar sair do chão finalizou de perna direita. A bola ainda desviou em Tom Beugelsdijk, antes de entrar no fundo das redes de Maduka Okoye.

🧿 1×2: Aos 63 minutos, o Sparta Rotterdam tentou sair jogando tocando a bola, a marcação do PEC Zwolle apertou e roubou a bola que chegou para os pés de Slobodan Tedić. O atacante dominou e fora da grande área finalizou com muita qualidade, sem chances de defesa por parte de Maduka Okoye.

🕍 2×2: Aos 74 minutos, pênalti para os Gladiadores Alvirrubros. Após finalização de Laros Duarte, a bola bateu na mão de Dean Huiberts dentro da grande área. Edwin van de Graaf não pensou duas vezes e marcou penalidade máxima para os donos da casa. Na cobrança, Lennart Thy bateu e deixou tudo igual no Het Kasteel.

🕍 3×2: Nos minutos finais da partida, o Sparta Rotterdam foi para a pressão final e deu resultado. Aaron Meijers que entoru aos 83 minutos, cruzou a bola para a grande área e Lennart Thy apareceu no meio de dois defensores do PEC Zwolle para finalizar de cabeça e garantir a vitória para os Gladiadores Alvirrubros.

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *