schwangerschaft oder Clomid

Cyriel Dessers quer fazer história, assim como Pierre van Hooijdonk fez no Feyenoord

 Cyriel Dessers quer fazer história, assim como Pierre van Hooijdonk fez no Feyenoord

Talvez no seu último jogo pelo Feyenoord, Cyriel Dessers poderá seguir os passos de Pierre van Hooijdonk, que ajudou o clube de Roterdã a conquistar a Taça da UEFA em 20202 com dois gols na final diante do Borussia Dortmund.

“Você pode nos comparar um pouco. Atacantes que marcam facilmente, mas não têm o talento de alguém como Robin van Persie. Embora Pierre van Hooijdonk pudesse contar com uma técnica diferenciada e uma qualidade absurda nas finalizações” disse Cyriel Dessers.

Há 20 anos, Cyriel Dessers ficou de boa aberta na frente da televisão quando viu Pierre van Hooijdonk se destacar contra o Borussia Dortmund em De Kuip. Em 2017, ele levou o NAC Breda à Eredivisie, como um de seus exemplos em 1993. E agora ele também quer ajudar o Feyenoord a conquistar o primeiro prêmio europeu após o título da Taça UEFA de 2002.

“Mister Conference League” é o apelido de Cyriel Dessers depois de dez gols na terceira competição da UEFA. Um repórter entusiasmado sugeriu recentemente que o torneio deveria levar o nome do atual artilheiro.

“Não façamos isso. O torneio acabou de começar e já tem um nome diferente” disse Cyriel Dessers sorrindo.

É claro que a proposta do jornalista não foi levada a sério. Mas diz algo sobre a loucura que se criou em torno de Cyriel Dessers. No período que antecede a final, a música sobre o atacante do Feyenoord ecoara nas praças de Tirana.

O atacante belga passou a amar o Feyenoord e seus torcedores nesta temporada. O mercado de transferênciau ficou aberto por alguns minutos no começo dessa temporada, quando uma transferência do espanhol Leganés falhou e seu empresário conseguiu um contrato de empréstimo com o Feyenoord. Ele permaneceu como reserva de Bryan Linssen por muito tempo. Mas agora a questão é se o Feyenoord estará disposto a pagar o salário que Cyriel Dessers pediu para continuar em Roterdã.

O Feyenoord poderá assumir definitivamente o atacante que pertence ao KRC Genk antes de 1ª de junho por 4 milhões de euros. Os torcedores já iniciaram uma vaquinha online e a comunidade empresarial de Roterdã quer ajudar. Mas o atacante também chamou a atenção para outros clubes de fora da Holanda e que possuem um teto salarial maior que o do Feyenoord. No fundo, Cyriel Dessers não quer sair do Feyenoord.

“Mas talvez seja a hora de dar um passo. Feyenoord é um clube especial. Vamos sentar-nos ao final e conversar sobre tudo isso e entender o que é melhor para mim e para o clube” disse Cyriel Dessers.

Confira também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.