Single Blog Title

This is a single blog caption

Feyenoord tropeça novamente e vai ficando cada vez mais longe de briga por título da Eredivisie 2018/19

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Quando se esperava que o Feyenoord fosse entrar na briga pelo título da Eredivisie 2018/19, o clube de Roterdã acabou se atrapalhando e voltou a continuar brigando apenas pela terceira colocação. Se na rodada anterior, os homens de Giovanni van Bronckhorst tinham perdido em casa para o Fortuna Sittard, na última rodada da primeira parte da competição, a equipe se atrapalhou novamente, dessa vez foi diante do ADO Den Haag no Cars Jeans Stadion.

No duelo desse domingo, ADO Den Haag e Feyenoord ficaram no empate em 2×2 e o Stadionclub ficou ainda mais distante de brigar por até mesmo uma vaga na UEFA Champions League da próxima temporada.

Para esse duelo, Alfons Groenendijk repetiu o mesmo time que venceu o Willem II no Koning Willem II Stadion.

Pelo lado do Feyenoord, Giovanni van Bronckhorst resolveu mexer em duas posições, em relação ao confronto que o Feyenoord teve ao longo da semana pela Copa da Holanda. Kenneth Vermeer e Jordy Clasie ficaram de fora, dando lugares para Justin Bijlow e Renato Tapia. Vale lembrar que Robin van Persie estava no time titular.

Com a bola rolando, o Feyenoord já receberia o primeiro cartão amarelo com menos de três minutos de jogo. Bart Nieuwkoop estava com a bola dominada, mas Aaron Meijers acabou roubando a bola e entraria na área de Justin Bijlow livre, mas o Bart Nieuwkoop segurou o atleta do ADO Den Haag, evitando que ele entrasse na grande área. Kevin Blom marcou falta e mostrou o cartão amarelo para o jogador do Feyenoord. Abdenasser el Khayati cobrou a falta com maestria, sem chances de defesa por parte de Justin Bijlow. O placar estava aberto no Cars Jeans Stadion.

Aos 14 minutos, uma boa chance para o ADO Den Haag. Sheraldo Becker venceu na velocidade de Bart Nieuwkoop. O ponta do ADO Den Haag chegou na linha de fundo e cruzou para o meio da grande área. Melvyn Lorenzen chegou na bola, mas acabou finalizando para fora.

Aos 15 minutos, Steven Berghuis mandou um belo lançamento para Robin van Persie, mas o centroavante holandês dominou mal Tom Beugelsdijk cortou.

Os Residentieclub chegariam mais uma vez ao gol de Justin Bijlow e isso aconteceu aos 24 minutos. Sheraldo Becker recebeu na ponta e tocou para o meio, a bola chegou nos pés de Lex Immers. O camisa 10 dominou mal e a defesa do Feyenoord conseguiu recuperar a posse da bola.

O Feyenoord tinha a posse da bola e tentava encurralar os homens de Alfons Groenendijk em seu próprio campo de defesa. A primeira finalização em direção ao gol de Robert Zwinkels foi de Robin van Persie aos 31 minutos, mesmo assim a bola não levou perigo a meta do goleiro da casa.

No final do primeiro tempo, mais precisamente aos 44 minutos, o ADO Den Haag teve uma boa chance com Lex Immers, mas o centroavante finalizou para fora.

Quando Kevin Blom se preparava para acabar a primeira etapa, Robin van Persie recebeu a bola na ponta esquerda e cruzou rasteiro para a entrada de Steven Berghuis que finalizou para o fundo das redes de Robert Zwinkels.

Sem nenhuma alteração para o segundo tempo, as duas equipes voltavam para buscar os três pontos.

No começo do segundo tempo, o Feyenoord teve uma boa chance quando Steven Berghuis tocou para Robin van Persie dentro da grande área. Ele protegeu bem, mas faltou levantar a cabeça para ver seu companheiro melhor colocado. O centroavante tentou girar e bater, mas o chute foi em cima de Robert Zwinkels.

O Stadionclub continuou com a posse de bola e ditando o ritmo da partida. O ADO Den Haag buscava apenas um contra-ataque para tentar voltar a ficar na frente do placar. Aos 49 minutos, o Feyenoord foi trocando passes e Bart Nieuwkoop acabou saindo de cara com Robert Zwinkels, mas o goleiro do ADO Den Haag estava atento e praticou uma boa defesa.

Aos 67 minutos, os homens de Alfons Groenendijk voltaram a levar perigo a meta defendida por Justin Bijlow. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Lex Immers que finalizou sem jeito para o gol do Feyenoord. O jovem goleiro do clube de Roterdã defendeu e mandou para fora.

O gol dos Rotterdammers aconteceu no minuto seguinte. Calvin Verdonk recebeu a bola na ponta esquerda e tocou de primeira para Sam Larsson que dominou, levou para o meio da grande área e colocando muito efeito na bola, finalizou sem chances para o gol de Robert Zwinkels.

E quando o Feyenoord pensava que iria conseguir dominar a partida e garantir a vitória, os Rotterdammers sentiram a reviravolta acontecer. No minuto 74, Tom Beugelsdijk foi agarrado por Bart Nieuwkoop. Kevin Blom marcou falta e mostrou o segundo cartão amarelo para Bart Nieuwkoop que consequentemente, foi expulso de campo.

Kevin Blom inicialmente marcaria falta fora da grande área, mas o VAR (Árbitro de Vídeo) foi acionado e ele voltou atrás, marcando penalidade máxima para os donos da casa. Na cobrança do pênalti, o principal nome do ADO Den Haag, Abdenasser el Khayati não desperdiçou a chance. Bola para um lado e goleiro para o outro.

Com um jogador a mais, Alfons Groenendijk mexeu duas vezes seguidas no seu time. Aos 78 minutos, Erik Falkenburg e Melvyn Lorenzen saíram e Thijmen Goppel e Yuning Zhang entraram. Ele queria ver seu time em cima dos Rotterdammers.

Orkun Kökçü ainda teve uma boa chance para o Feyenoord, mas Robert Zwinkels defendeu. Aos 91, Thijmen Goppel recebeu na ponta direita e cruzou para o meio da grande área. O atacante chinês, Yuning Zhang tentou chegar na bola, mas não conseguiu e alegou que tinha sido puxado por Lutsharel Geertruida, mas Kevin Blom nada marcou.

Com esse empate, o ADO Den Haag acabou o primeiro turno com 20 pontos na 11º colocação. O próximo compromisso da equipe será diante do VVV-Venlo dia 19 de janeiro.

Pelo lado do Feyenoord, a briga pelo título vai ficando cada vez mais impossível, e como falamos mais acima, até a briga por uma vaga na UEFA Champions League da próxima temporada, vai ficando mais distante. Esse empate fez os homens de Giovanni van Bronckhorst terminarem a primeira parte da Eredivisie 2018/19 com 36 pontos, dez pontos a menos que o segundo colocado, o AFC Ajax. O próximo duelo da equipe será contra o PEC Zwolle dia 19 de janeiro.

Esse foi o duelo de número 93 entre as duas equipes, com 48 vitórias para o Feyenoord contra 24 do ADO Den Haag. Em 21 duelos, o jogo terminou empatado. Desde 2016 o Feyenoord não perde para o ADO Den Haag. A última derrota dos Rotterdammers para os Hagenaren jogando em Haia aconteceu em 2015.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: