-

-

Com recorde de torcedores, Holanda Feminina vence Austrália em último jogo antes da Copa do Mundo

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Nesse sábado, a Holanda Feminina entrou em campo no último jogo antes do início da Copa do Mundo na França que acontecerá nesse mês de junho.

Essa seria a primeira vez que a seleção holandesa feminina jogaria no Philips Stadion, estádio do PSV Eindhoven. E os Eindhovenaren não deixaram as Mulheres Laranja na mão e quebraram o recorde de torcedores em um jogo da seleção feminina. Foram 30.640 torcedores que compareceram ao Philips Stadion.

Foi um bom jogo de despedida, mas o primeiro tempo da Holanda não foi nada agradável. As mulheres da Holanda pareciam surpresas com a Austrália que também estará na Copa do Mundo da França. As australianas comandadas por Ante Miličić, pressionaram demais a Holanda nos minutos iniciais e até terminaram o primeiro tempo melhor na partida.

A Austrália tentou jogar usando a força física e isso custou o jogo para Kika van Es que precisou deixar os gramados aos 12 minutos de jogo e ser encaminhada urgente para o hospital em Eindhoven para ser avaliada e entender se ainda teria condições de defender a Laranja na Copa do Mundo. No seu lugar, Merel van Dongen entrou para dá continuidade ao duelo.

Sarina Wiegman já previa que o adversário usaria mais a força física do que a qualidade com a bola no pé e era isso que a treinadora holandesa estava querendo ver para entender como sua equipe iria se sair, afinal de contas, Nova Zelândia e Camarões são duas seleções que tentarão impor mais o jogo físico do que o técnico.

Nos acréscimos do primeiro tempo, a Holanda finalmente conseguiu chegar ao primeiro gol. Sherida Spitse serviu Shanice van de Sanden que estufou as redes da goleira australiana, Lydia Williams.

Aos poucos a Holanda foi conseguindo fazer sua qualidade técnica sobressair ao jogo físico da Austrália. No começo do segundo tempo, Jackie Groenen deixou Vivianne Miedema na boa para marcar o segundo gol das donas da casa.

A Austrália teve boas chances para descontar, mas Sari van Veenendaal estava sempre muito atenta para evitar que a bola adentrasse no fundo das redes laranja e isso mostrou o motivo pelo qual Sarina Wiegman escolheu Sari van Veenendaal como titular da Holanda na Copa do Mundo.

O último gol da partida saiu aos 71 minutos, quando Shanice van de Sanden chutou de longa distância para o fundo das redes de Lydia Williams. Essa foi o segundo gol dela na partida e o terceiro da Holanda no jogo.

Quando a Holanda chegou ao terceiro gol, Sarina Wiegman entendeu que era o momento de dá oportunidades para outras jogadoras que estavam no banco de reservas.

Agora, a Holanda começará a focar de vez na Copa do Mundo. O primeiro adversário das mulheres laranja será contra a Nova Zelândia no dia 11 de junho.

“Nós estamos no caminho certo. Finalmente a bola parece querer entrar na rede dos nossos adversários” disse Sarina Wiegman.

“Estou muito orgulhosa do que fizemos aqui hoje. Estamos mostrando que iremos chegar forte na Copa do Mundo. Nós passamos por dificuldades ao longo da partida, mas entendemos e soubemos segurar o jogo para que a Austrália não complicasse a nossa vida” completou Lieke Martens.

Em relação ao jogo mais físico do que técnico proposto pela Austrália, Sarina Wiegman também opinou.

“Isso é o que esperávamos. Nós queríamos um adversário que fizesse algo parecido com que a Nova Zelândia fará conosco no primeiro jogo da Copa do Mundo. Nós sabíamos que não poderíamos cair no jogo delas e foi isso que buscamos não fazer. Aos poucos trouxemos o jogo para o nosso lado e colocamos a bola no chão. Quando fizemos isso, dominamos elas” falou a treinadora.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: