Single Blog Title

This is a single blog caption

AFC Ajax dá uma aula de futebol, mas perde para o Real Madrid

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Na última quarta, o AFC Ajax recebeu o Real Madrid na Johan Cruijff ArenA e quando a bola rolasse, o clube de Amsterdã teria que responder a grande perguntar: Qual AFC Ajax iríamos encontrar? O do final de 2018 ou do começo de 2019?

Pois bem, podemos dizer que o AFC Ajax surpreendeu aos mais de 52 mil torcedores que compareceram a Johan Cruijff ArenA e demostrou um dos melhores desempenhos da temporada, me arrisco a dizer que foi a melhor atuação do time de Erik ten Hag na temporada 2018/19.

Quem levou a melhor foram os espanhóis que venceram a partida por 2×1 e estão muito próximo de conquistar a vaga nas quartas de finais da UEFA Champions League 2018/19. O próximo jogo acontecerá no dia 05 de março (terça) no Santiago Bernabéu.

Em relação ao time titular, Erik ten Hag fez duas mudanças em relação a equipe que perdeu para o Heracles Almelo na rodada passada da Eredivisie por 1×0 no Polman Stadion. Noussair Mazraoui voltou a lateral-direito na vaga de Rasmus Kristensen e no ataque também tivemos mudanças, David Neres voltou ao time titular e com isso, Dušan Tadić foi o falso nove que ele costuma fazer na UEFA Champions League dessa temporada. Tanto Klaas-Jan Huntelaar quanto Kasper Dolberg foram apenas opções ao decorrer do jogo para Erik ten Hag.

Pelo lado do Real Madrid, a equipe vinha de uma vitória por 3×1 diante do Atlético de Madrid. Nacho e Gareth Bale assumiram a titularidade na equipe, com isso Raphaël Varane e Lucas Vázquez foram para o banco de reservas.

Quando Damir Skomina apitou o começo do jogo, o AFC Ajax precisou de apenas 35 segundos para desarmar o Real Madrid no campo defensivo do time espanhol. Com isso, o recado estava dado: O time holandês iria para cima de todas as formas e pressionaria demais a defesa espanhol, o futebol total em seu mais puro espírito. O recado do AFC Ajax foi se confirmando ao longo da partida. O time de Amsterdã precisou de apenas 10 minutos para desarmar por 13 vezes o Real Madrid.

Outro ponto que muitos que estavam torcendo pelos Godenzonen temiam, era seu sistema defensivo, aonde o clube já demostrou por diversas vezes uma fragilidade grande ao longo da temporada. Mas, nessa partida diante dos Merengues, a equipe mostrou muitas variações de jogo interessantes, aonde permitiu que a equipe holandesa se defendesse com mais eficiência. Em determinados momentos, a equipe saia do 4-3-3 para esquemas como 4-1-3-2, 4-2-3-1 e 4-4-2, sempre com linhas altas e próximas umas das outras para dificultar ainda mais a penetração do Real Madrid e a saída de jogo.

O AFC Ajax mostrou muita intensidade ao longo dos 90 minutos, posicionamento inteligente e marcação fortíssima.

Com tanta pressão assim para cima do time de Santiago Solari, os Ajacieden chegaram com muito perigo ao gol de Thibaut Courtois. Uma dessas duas chegadas, resultou na finalização de Dušan Tadić que explodiu no travessão do goleiro belga.

Ao longo de todo o primeiro tempo, o Real Madrid não conseguiu impor seu jogo em cima dos Godenzonen, tanto que o AFC Ajax chegou ao seu primeiro gol no jogo, mas foi anulado pelo VAR (Árbitro de Vídeo). Após cobrança de escanteio, Hakim Ziyech mandou na cabeça de Matthijs de Ligt que subiu mais alto que toda a defesa do Real Madrid. A bola bateu no ombro de Thibaut Courtois e na sequência, Nicolás Tagliafico finalizou de cabeça encobrindo o goleiro do time espanhol. O problema é que o VAR (Árbitro de Vídeo) identificou uma irregularidade na jogada, consequentemente, Damir Skomina anulou o gol dos Amsterdammers.

A primeira etapa terminava com o AFC Ajax engolindo o Real Madrid que mesmo quando tinha a bola dominada, não conseguia fazer absolutamente nada.

No segundo tempo, Erik ten Hag recuou mais sua equipe, visando tanto o desgaste que a equipe teve ao pressionar de forma intensa o Real Madrid durante os primeiros 45 minutos e tentando chamar os espanhóis para seu campo, buscando espaços em possíveis contra-ataques.

O problema é que o desgaste na equipe começou a aparecer cedo e isso fez o time ceder espaços ao time Merengue, tanto que aos 60 minutos, o Real Madrid chegou ao seu primeiro gol na partida, quando Vinicius Júnior passou com tranquilidade por Noussair Mazraoui, adentrou na grande área Ajacieden e tocou para Karim Benzema que finalizou no ângulo de André Onana.

Após sofrer o gol, o AFC Ajax arrumou forças de onde não tinha para voltar a pressionar o Real Madrid e isso surtiu efeito. Depois de perder um gol incrível no primeiro tempo, Hakim Ziyech se redimiu. David Neres passou pela marcação na ponta esquerda e cruzou rasteiro para o meio da grande área. O meia marroquino apareceu como homem-surpresa e finalizou para o fundo das redes de Thibaut Courtois.

Erik ten Hag preferiu mexer em apenas uma peça ao longo dos 90 minutos, ele tirou Lasse Schöne e colocou Kasper Dolberg na vaga do meia dinamarquês. O problema é que sua defesa já demostrava um desgaste altíssimo e era fundamental que ele desse vida nova, principalmente aos laterais, aonde tinham pela frente atacantes bastante velozes, como Vinicius Júnior e Gareth Bale.

Faltando três minutos para acabar o jogo, o Real Madrid chegou ao gol da vitória quando Casemiro acionou Dani Carvajal. O lateral-direito espanhol tocou para Marco Asensio que estufou as redes do goleiro camaronês.

A derrota não representou de forma alguma o que foi os 90 minutos de bola rolando, mas nem sempre quem atua da melhor forma consegue o resultado positivo. Resta ao AFC Ajax tentar arrumar forças para passar por cima dos espanhóis no Santiago Bernabéu no começo de março.

Agora, o AFC Ajax olha para frente, mais precisamente para o próximo domingo aonde enfrentará o NAC Breda em casa pela Eredivisie 2018/19. O clube segue na busca pelo título nacional que pertence ao PSV Eindhoven e tem tudo para continuar nas mãos dos Eindhovenaren.

O Real Madrid também voltará a campo apenas no próximo domingo diante do Girona FC no Santiago Bernabéu.

Esse foi o jogo de número 13 entre as duas equipes, com 08 vitórias do Real Madrid contra apenas 04 do AFC Ajax e 01 empate. Essa foi a sétima derrota consecutiva dos holandeses para os espanhóis. A última vez que o AFC Ajax venceu o Real Madrid foi na temporada 1995/96 da UEFA Champions League. Naquela edição, o time holandês venceu o Real Madrid no Santiago Bernabéu por 2×0.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: