Single Blog Title

This is a single blog caption

Robin van Persie perde vários gols, mas Feyenoord conquistar sua vaga nas quartas da Copa da Holanda

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

No último jogo das oitavas de final da Copa da Holanda, o Feyenoord recebeu no De Kuip o FC Utrecht.

As duas equipes vinham para essa partida com cenários completamente diferentes. De um lado, o Feyenoord de Giovanni van Bronckhorst que sofria bastante pressão e com sérios riscos de ser demitido, caso não vencesse o FC Utrecht pela Copa da Holanda. Por outro lado, o FC Utrecht vinha de uma vitória gigantesca em cima do SC Heerenveen no Abe Lenstra Stadion por 3×2. A equipe de Dick Advocaat vem em uma clara evolução técnica dentro da competição.

Para esse duelo, Giovanni van Bronckhorst resolveu mexer em quatro peças, em relação a derrota que sofreu em casa para o Fortuna Sittard. Justin Bijlow foi para o banco, dando espaço para Kenneth Vermeer. Na lateral, Tyrell Malacia saiu e Calvin Verdonk voltou a ser titular. O jovem meia que vinha agradando ao treinador, Orkun Kökçü deu lugar para o retorno do experiente Jens Toornstra. No ataque, Dylan Vente saiu e Robin Robin van Persie voltou ao comando do ataque do clube de Roterdã.

Já na equipe de Dick Advocaat, não houveram tantas alterações, apenas uma. Emil Bergström deu lugar a Timo Letschert.

A torcida do Feyenoord compareceu em massa, afinal de contas, a Copa da Holanda é a única competição que o clube tem chances reais de conquistar o título.

O jogo começou muito truncado e nenhuma das duas equipes conseguia marcar gols. O grande perigo nos 15 primeiros minutos do jogo, aconteceu após cobrança de falta de Robin van Persie. O experiente centroavante mandou no travessão de David Jensen.

Aos 20 minutos, o FC Utrecht estava construindo uma das melhores chances. Sander van de Streek tocou para Oussama Tannane dentro da grande área finalizar. Na hora que o camisa 21 estava pronto para chutar, Bart Nieuwkoop apareceu para travar e impedir o chute do atacante dos Utregs.

No minuto seguinte, foi a vez do Feyenoord assustar mais uma vez. Novamente em cobrança de falta, dessa vez com Sam Larsson, o jovem atacante mandou com perigo para o gol de David Jensen. O goleiro espalmou para a linha de fundo. Na sequência da jogada, cobrança de escanteio, Nicolai Jørgensen subiu mais alto e finalizou para David Jensen operar um verdadeiro milagre e salvar o FC Utrecht de tomar o primeiro gol.

Aos 27 minutos, o Feyenoord chegou ao único gol da partida. Robin van Persie recebeu na entrada da grande área e tocou na ponta esquerda para Sam Larsson que trouxe para dentro e cruzou no meio da pequena área para a chegada de Tonny Vilhena. O camisa 10 do Feyenoord precisou finalizar duas vezes para fazer com que a bola entrasse no gol de David Jensen.

O Feyenoord teve uma outra boa chance aos 32 minutos, quando Steven Berghuis ajeitou a bola para a chegada de Robin van Persie que já foi ao encontro da bola, finalizando. David Jensen mais uma vez atento, praticou uma boa defesa.

A última boa finalização no primeiro tempo, foi dos visitantes. Urby Emanuelson dentro da grande área chutou sem jeito para o gol de Kenneth Vermeer. O goleiro não teve dificuldades para encaixar a bola.

Para o segundo tempo, Giovanni van Bronckhorst promoveu apenas uma mudança, Steven Berghuis saiu dando espaço para Luis Sinisterra. Pelo lado do FC Utrecht, o time foi o mesmo que começou o jogo.

Aos 51 minutos, uma chance enorme para os donos da casa ampliarem o marcador. Em boa troca de passes entre Robin van Persie, Tonny Vilhena e Sam Larsson, a bola chega até Robin van Persie no fundo que cruza para o meio da pequena área. Tonny Vilhena livre de marcação, tinha tudo para se consagrar, mas na hora de finalizar, furou e a bola passou por baixo das suas pernas.

A segunda alteração do Feyenoord aconteceu aos 66 minutos, quando Jody Clasie ficou caído no chão sentindo fortes dores na sua perna direita. Giovanni van Bronckhorst acionou Renato Tapia que entrou na vaga do volante holandês. Vale lembrar que a primeira alteração do FC Utrecht aconteceria antes, mais precisamente aos 58 minutos, quando Dick Advocaat tirou Sander van de Streek e colocou Jean-Christophe Bahebeck.

Aos 56 minutos, uma outra boa chance do Feyenoord na partida. O trio formado por Robin van Persie, Sam Larsson e Jan-Arie van der Heijden envolveu a marcação do FC Utrecht e Robin van Persie acabou ficando de cara com David Jensen. O centroavante holandês perdeu uma chance que dificilmente perde.

Aos 60 minutos, Kenneth Vermeer cobrou tiro de meta. Robin van Persie pulou mais alto no meio de campo e desviou a bola para Jens Toornstra que tocou na direita para Luis Sinisterra. O camisa 17 adentrou na grande área e finalizou na trave de David Jensen. Na sequência, a bola voltou para Robin van Persie que perdeu mais um gol inacreditável.

Daí em diante o jogo ficaria mais truncado, principalmente porque o Feyenoord não queria mais jogo, preferiu apenas rodar a bola e gastar o tempo.

Com essa vitória, o Feyenoord garante sua vaga na próxima fase da Copa da Holanda e focará agora na Eredivisie 2018/19. No próximo final de semana, a equipe jogará contra o ADO Den Haag em Haia.

Já o FC Utrecht finalizará 2018 diante do AFC Ajax em no Stadion Galgenwaard.

Esse foi o jogo de número 129 entre as duas equipes, com 77 vitórias do Feyenoord contra 21 do FC Utrecht. Em 31 jogos, a partida terminou empatada.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: