Sem sorte

Jovem jogadora holandesa, lamenta ter deixado o jogo cedo

Jill Roord lamenta ter deixado cedo a partida contra a Suíça

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Com menos de 10 minutos de jogo, a Holanda viu Anouk Dekker ser expulsar e deixar as Leoas com uma jogadora a menos em campo.

Na equipe de Sarina Wiegman, Jill Roord estava recebendo uma grande oportunidade, afinal de contas, Jackie Groenen não reuniu condições para atuar na segunda partida diante da Suíça. O problema é que com a expulsão de Anouk Dekker, Sarina Wiegman teria que tirar alguém para fechar sua defesa.

“Eu esperei por essa oportunidade durante um longo tempo. Eu estava realmente muito feliz e ansioso por isso. Depois de poucos minutos eu tive que sair de campo. Fiquei bastante triste, mas sabia que alguma jogadora ofensiva teria que sair para a defesa se reorganizar” disse Jill Roord.

Depois da expulsão, Sarina Wiegman ainda deixou que Jill Roord continuasse em campo por alguns minutos, mas aos 12 minutos, Jill Roord precisou dá lugar para Merel van Dongen.

Após o jogo, Anouk Dekker e Jill Roord se sentaram juntas nos vestiários.

“Eu não culpa Anouk Dekker. Sei que algo assim acontece. Também tenho em mente que várias oportunidades de mostrar meu futebol com a camisa da Holanda vão aparecer. É me preparar ainda mais, para que quando isso aconteça, eu possa ajudar”

Na última Copa do Mundo que aconteceu em 2015 no Canadá, Jill Roord tinha apenas 18 anos. Na França, ela terá 22 anos e chegará ainda mais experiente para seu segundo Mundial.

“Mesmo eu ficando no banco de reservas, foi uma experiencia sensacional. Agora estou mais velha e espero chegar forte e ter a oportunidade de ir para a França com a Holanda”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: