Momentos complicados

Centroavante dinamarquês explica que até sua confiança volta em baixa

Kasper Dolberg fala sobre seu retorno aos gramados

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Duas temporadas atrás, sob o comando de Peter Bosz, Kasper Dolberg impressionou ao mundo com suas exibições, principalmente na Liga Europa. Assim que chegou ao elenco do Ajax e foi demostrando suas qualidades, ganhou logo o apelido de “Kas-Boem”. Kasper Dolberg ajudou o Ajax a chegar na final de uma competição europeia (Liga Europa), feito que o clube não alcançava a varias temporadas. Ao final daquele período, o Ajax recebeu uma proposta de 50 milhões de euros para liberar o atacante dinamarquês ao AS Mônaco.

Na última temporada, as coisas não saíram tão bem quanto o Ajax queria e Kasper Dolberg também sofreu com isso. Na atual temporada, com apenas 20 anos, ele luta para voltar a sua forma física o mais rápido possível. Isso porque, o atacante dinamarquês acabou sofrendo uma lesão no final do ano de 2017, no jogo entre Ajax e Willem II. Naquela situação, o Ajax informou que o atacante ficaria apenas dois meses afastado dos gramados, mas ele retornou apenas no dia 8 de abril.

Kasper Dolberg finalizou a temporada com quatro jogos entrando ao longo do jogo e apenas uma partida como titular. Mesmo voltando de lesão, ele foi convocado para a Copa do Mundo de 2018 na Rússia, pela Dinamarca.

Naquela Copa do Mundo, Kasper Dolberg jogou poucos minutos com a camisa da Dinamarca.

“Eu joguei apenas doze minutos e foi contra a França. Eu nunca irei esquecer essa oportunidade que tive de um dia defender meu país, mesmo com pouco tempo, em uma Copa do Mundo”

A Copa do Mundo parece ter animado mais Kasper Dolberg e ele retornou a Amsterdã com mais “fome”. Com tanta vontade, Kasper Dolberg acabou sendo lesionado na pré-temporada do Ajax e ficou fora do começo da temporada que foi de extrema importância para o clube de Amsterdã.

Novamente, Kasper Dolberg precisou passar por um longo período de reabilitação.

“Foi um golpe duro. Precisei esperar por ainda mais tempo, ter mais paciência. Não foi fácil, mas em todos os momentos, minha família e meus companheiros estavam sempre presentes ao meu lado, me apoiando e me tranquilizando”

No dia 19 de setembro, no jogo entre Ajax e AEK Atenas pela UEFA Champions League 2018/19, Kasper Dolberg é acionado aos 78 minutos para entrar em campo, após a torcida começar a gritar seu nome nas arquibancadas. Pela primeira vez, após a Copa do Mundo de 2018, ele pisa no gramado. Naquela situação, ele não teria mostrado nada demais, estava sentindo demais a falta de ritmo de jogo.

DataJogo (Minutos)Competição
19/09/2018Ajax v AEK Atenas (12 Minutos)Champions League
21/09/2018Go Ahead Eagles v Jong Ajax (45 Minutos)Eerste divisie
23/09/2018PSV v Ajax (45 Minutos)Eredivisie
26/09/2018Te Werve v Ajax (72 Minutos)KNVB Beker
29/09/2018Fortuna Sittard v Ajax (45 Minutos)Eredivisie

Erik ten Hag quer contar com Kasper Dolberg o mais rápido possível. Em dez dias, o atacante acumula 219 minutos em cinco jogos e volta a se reencontrar com o fundo das redes adversárias. Nos jogos contra o Te Werve (Copa da Holanda) e contra o Fortuna Sittard (Eredivisie) ele deixou sua marca.

“Foi uma sensação maravilhosa ao marcar novamente, principalmente no jogo contra o Fortuna Sittard que entramos e as coisas não estavam acontecendo da forma que queríamos. Uma coisa já é clara na minha cabeça: Quero marcar muito mais gols”

Tudo estava planejado para que Kasper Dolberg fosse titular no jogo entre Jong Ajax e Helmond Sport, mas de último momento, ele acabou não reunindo condições de jogo, devido a dores no joelho, mas dois dias depois, estava pronto para o jogo contra o AEK Atenas.

“Ninguém sabe o que aconteceu. No dia do jogo contra o Helmond Sport, eu acordei com fortes dores no joelho. O tratamento começou a ser realizado e no dia seguinte, já me acordei com dores menos intensas, dois dias depois, as dores tinham ido embora”

Como ele se sente agora?

“É complicado afirmar que estou 100% pronto para atuar. Eu me sinto bem, estou jogando com frequência nos últimos jogos. Na Copa da Holanda, jogou mais de 70 minutos e senti que poderia ter atuado os 90 minutos sem problema algum”

No entanto, demorou muito tempo até que Kasper Dolberg perdesse o medo de se machucar novamente.

“Tudo que aconteceu nesses últimos meses, mexeu demais na minha cabeça. Não vou lhe dizer que estou tranquilo mentalmente e que já posso entrar em todas as divididas. O medo ainda é real, mas aos poucos, a confiança vai voltando e nada melhor do que está em campo, para sentir as coisas voltando a normalidade”

No momento em que Kasper Dolberg estava se reabilitando, ele procurou apoio da amigos e familiares, mas também pediu suporte a outros jogadores do clube, como Klaas-Jan Huntelaar.

“Eu conversei com amigos e pessoas da minha família. Conversei com Klaas-Jan Huntelaar também. Todos me ajudaram demais nesse momento complicado no qual estou saindo. Sei que não é algo extremamente grave e nem quero transformar esse momento, em algo dessa dimensão”

O atacante dinamarquês, também falou que o seu desempenho na temporada 2016/17 não é sua sombra.

“Não tenho medo de não alcançar o meu nível da minha melhor temporada. Eu realmente não tenho medo disso, mas a questão que penso é voltar na forma que cheguei para a pré-temporada. Assim que eu me sentir mais leve, sem essas dúvidas em minha cabeça, acredito que meu bom futebol irá voltar com mais facilidade”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: