Eredivisie - 03º Rodada

PEC Zwolle 01 v 02 PSV Eindhoven

PSV vence pela oitava vez consecutiva o PEC Zwolle

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O PEC Zwolle já entrava no MAC³PARK stadion com o peso de ser um dos únicos clubes que ainda não tinha somado nenhum ponto dentro da Eredivisie. O problema era que do outro lado, iria enfrentar uma equipe que nos últimos sete confrontos diretos, o PEC Zwolle tinha perdido os sete.

O adversário da noite era o PSV Eindhoven, um dos poucos clubes que tinham vencido suas duas primeiras partidas. A vitória da equipe de Mark van Bommel veio aos 91 minutos com Luuk de Jong. O PSV bateu o PEC Zwolle por 2×1 dentro do MAC³PARK stadion.

Antes da partida, ambas as equipes entraram com uma camisa transmitindo uma mensagem de força para Ryan Thomas que sofrerá uma lesão que lhe tirou de boa parte da temporada.

O PEC Zwolle começava a partida da melhor maneira possível. Com menos de um minuto de jogo, Mike van Duinen foi derrubado dentro da grande área por Jeroen Zoet. Björn Kuipers não pensou duas vezes antes de apontar para a marca da cal e dá o pênalti para os donos da casa. Na cobrança, quem sofreu foi quem bateu. Mike van Duinen teve a chance de colocar a equipe da casa em vantagem, mas Jeroen Zoet mostrou porque vem sendo lembrado por Ronald Koeman nas convocações da Holanda. Ele praticou uma bela defesa e evitou aquele que poderia ter sido o primeiro gol dos donos da casa na partida.

Antes do PSV abrir o placar no final do primeiro tempo, a equipe de Eindhoven desperdiçou algumas excelentes chances de gols. Primeiro foi com Luuk de Jong que finalizou mal de cabeça. Depois, foi a vez de Denzel Dumfries ter uma chance praticamente de baixo da barra e sem goleiro, mas o defensor conseguiu mandar a bola para fora. Hirving Lozano recebeu um grande presente quando Kingsley Ehizibue recuou a bola para o goleiro, mas recuou mal e ele foi mais rápido e recuperou a bola par ao PSV. O mexicano saiu de frente com o goleiro do PEC Zwolle, mas acabou finalizando para a rede pelo lado de fora.

O PEC Zwolle teve uma boa chance com Rick Dekker, mas o camisa 19 acabou finalizando por cima da meta defendido por Jeroen Zoet. Aos 35 minutos, belo cruzamento de José Angeliño que encontrou o mexicano Hirving Lozano. Mas o atacante do PSV acabou finalizando no travessão do goleiro Mickey van der Hart.

Na melhora maneira que o PSV gosta de fazer seus gols foi a forma que eles encontraram para abrir o marcador. Aos 41, Hirving Lozano cruzou da esquerda para a direita na cabeça de Luuk de Jong que nem precisou subir muito para finalizar de cabeça como mandar o figurino.

Antes de finalizar o primeiro tempo, o PSV ainda teve mais uma chance. Em cobrança de escanteio ensaiada, a bola parou nos pés de José Angeliño de frente para a grande área que soltou um foguete para o gol de Mickey van der Hart. O goleiro do PEC Zwolle defendeu dando rebote, mas a defesa conseguiu mandar para longe o perigo.

Se estava difícil chegar trocando passes no sistema defensivo do PSV, o PEC Zwolle resolveu arriscar de longa distancia e isso deu certo. Vito van Crooy, uma das recentes contratações do clube, levou a bola até o meio da entrada da grande área e finalizou no canto direito de Jeroen Zoet que nada conseguiu fazer para evitar o gol de empate dos donos da casa.

O PSV voltou a tomar conta das ações do jogo, mesmo sabendo que pela frente tinha um PEC Zwolle mais confiante e pronto para chegar ao gol da vitória. Novamente, José Angeliño teve uma boa finalização de perna esquerda.

Se Vito van Crooy tinha testado de longe e tinha feito o gol, a equipe do PEC Zwolle resolveu arriscar mais e dessa vez com Younes Namli. O camisa 21 conseguiu levar bastante perigo com essa finalização, a bola ainda tocou no travessão de Jeroen Zoet antes de sair pela linha de fundo. Mais uma vez, Younes Namli teria uma boa chance, dessa vez a bola passa por toda a grande área e sobra para ele finalizar, mas ele pega muito em baixo da bola e ela sobe demais.

O PEC Zwolle estava muito melhor na partida. O treinador, John van ‘t Schip tinha pedido que a equipe adiantasse mais as linhas de marcação e isso complicou demais a vida do sistema defensivo do PSV que começou a perder bolas com mais facilidade para os atacantes do PEC Zwolle. Aos 74, Daniel Schwaab foi cirúrgico demais ao tirar uma bola que fatalmente Zian Flemming iria empurrar para o fundo das redes de Jeroen Zoet.

Quando o relógio marca 93 minutos de jogo, Donyell Donyell Malen cruza a bola para o meio da grande área. Luuk de Jong consegue lê a jogada de forma perfeita e aparece nas costas do zagueiro, como elemento surpresa para se antecipar e marcar o gol da vitória da equipe de Eindhoven.

Essa vitória coloca o PSV na condição de único time com 100% de aproveitamento na Eredivisie. A equipe agora focará nos Play-Offs da UEFA Champions League que terá pela frente diante do BATE Borisov dentro de casa na próxima quarta. Na próxima rodada da Eredivisie, terá o Willem II dentro de casa, uma boa chance para chegar aos 04 jogos com 100% de aproveitamento.

Por outro lado, o PSV zwolle tentará somar seus primeiros pontos diante do FC Groningen no próximo final de semana fora de casa.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: