FK Rostov 2x2 PSV Eindhoven

PSV começa perdendo, mas consegue empatar duas vezes e volta para a Holanda com um ponto na mala

Um ponto na bagagem e muito para corrigir

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

fk-rostov-2x2-psv-eindhoven-placar

 

Hoje, o PSV foi até a Rússia aonde enfrentou a organizada equipe do Rostov. O jogo foi bastante complicado, tanto que o time de Phillip Cocu só conseguiu um empate em 2 a 2 e voltou para Eindhoven com seu primeiro ponto na bagagem. Como o grupo já tem Bayern de Munique e Atlético de Madrid, tudo indica que o PSV terá a missão de garantir o terceiro lugar para conseguir ir para a Liga Europa, e foi com esse pensamento que o time entrou em campo hoje.

Phillip Cocu escalou o time com três zagueiro novamente, assim como fez contra o Atlético de Madrid em casa, com Nicolas Isimat-Mirin, Héctor Moreno e Daniel Schwaab. Quando o time possuía a bola, era o famoso 4-4-2, com Daniel Schwaab protegendo a defesa, mas quando o time perdia o controle da bola, então o camisa 05 voltava e formava a linha com três zagueiros e os três meias do time, recuavam e fechavam o meio de campo.

O esquema de jogo tinha tudo para dá certo, até porque com a velocidade dos seus laterais e com Narsingh puxando os contra-ataques, o PSV tinha grandes chances de sair da Rússia com três pontos, o problema é que com apenas oito minutos de jogo, a defesa do time de Eindhoven foi completamente envolvida na troca de passes do time russo, e Dmitry Poloz ficou de cara com Jeroen Zoet, e finalizou com qualidade, mandando a bola para o fundo das redes.

Mas o PSV soube se controlar e não deixou o gol tomado abalar seu desempenho dentro da partida, e isso ficou claro aos 14 minutos, quando Nicolas Isimat-Mirin mandou um belo lançamento na cabeça de Luuk de Jong, o camisa 09 ajeitou na medida para de primeira Davy Pröpper chutar, a bola bateu Vladimir Granat e matou o goleiro russo Soslan Dzhanaev, que com a bola desviada ficou sem chances de praticar qualquer defesa.

O gol fez com que o Rostov saísse novamente mais para o jogo, e ainda teve duas oportunidades para fazer o segundo, primeiro aos 16 minutos e depois aos 32 minutos, ambas as chances foram com Sardar Azmoun. Por outro lado, Luciano Narsingh também teve duas chances para deixar o PSV na frente, mas acabou desperdiçando as oportunidades que teve.

Aos 37 minutos, o zagueiro Vladimir Granat se redimiu, isso porque ele fez um belo lançamento para Sardar Azmoun, o atacante disputou a bola no ar com Nicolas Isimat-Mirin, e quem levou a melhor foi o atacante russo, que ajeitou de cabeça para Dmitriy Poloz de primeira mandar um belo chute no lado direito do goleiro Jeroen Zoet, e novamente os donos da casa estavam com a vantagem nas mãos.

O PSV se via numa situação que teria que buscar mais o gol, até porque não poderia sair da Rússia sem nenhum ponto, era fundamental ao menos empatar, para atrapalhar a vida dos russos e conseguir ter alguma vantagem na UCL. E nos acréscimos do segundo tempo, Andrés Guardado viu Santiago Arias entrando na grande área livre, sem nenhuma marcação, então acionou o lateral colombiano, que dominou a bola dentro da grande área e chutou em cima do goleiro russo, a bola bateu no travessão e rebote, Luuk de Jong completou de cabeça para o fundo das redes, era o gol do empate holandês.

No segundo tempo, os Deuses do futebol iriam dá a oportunidade que o PSV precisava para conquistar a vitória, um pênalti marcado em cima de Luuk de Jong aos 56 minutos, e na cobrança, a esperança de toda a torcida do time de Eindhoven estava nos pés de Davy Pröpper, o camisa 06 bateu no canto esquerdo do goleiro russo, mas Soslan Dzhanaev foi lá buscar a cobrança e não deixou com que o time holandês saísse da Rússia com os três pontos. Com mais esse pênalti desperdiçado, os Boeren não conseguiram marcar nenhum gol de pênalti nessa temporada.

Davy Pröpper estava impossível na partida, tanto que em um belo chute da entrada da grande área, ele mandou um belo chute, mas a bola bateu no travessão e encontrou os braços do goleiro russo. O PSV conseguiu dominar as principais ações de gols no segundo tempo, mas não teve a eficiência de finalizar corretamente para o gol.

Agora, o PSV volta para Eindhoven com um ponto na mala, e com a certeza de que ao menos, uma vaga na Liga Europa está se encaminhando para o time holandês. O time de Phillip Cocu voltará a campo no próximo final de semana pela Eredivisie, vale lembrar que pela Champions League, o time só voltará a jogar no dia 19 de outubro, contra o Bayern de Munique na Alemanha.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: