Excelsior 1x3 PSV Eindhoven

PSV vence a sua 13º partida consecutiva na Eredivisie longe de casa

PSV conquista importante vitória em Roterdã e não desgruda do Feyenoord

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

excelsior-1x3-psv-eindhoven-placar

Foram duas vitórias nos dois primeiros jogos na Eredivisie, mas depois vieram duas derrotas seguidas, e o bom começo de temporada caiu por terra, e nesse final de semana, a equipe de Roterdã iria receber em casa nada mais, nada menos do que o PSV Eindhoven, mas a missão do time de Phillip Cocu era vencer o Excelsior dentro do Woudestein, até porque uma derrota significaria ver o Feyenoord se distanciar ainda mais na ponta da tabela.

Sabendo disso, os Boeren foram para cima desde o início da partida, mas o gol só saiu aos 21 minutos, quando Jetro Willems tocou a bola da esquerda para Luciano Narsingh, que tabelou com Bart Ramselaar, recebeu na área e tocou no contrapé do goleiro Tom Muyters para abrir o placar. O PSV dominava o jogo com larga vantagem, sem sofrer muito, mas por causa de um único erro, o Excelsior foi mortal, aos 26 minutos, Nigel Hasselbaink correu com a bola e lançou Kevin Vermeulen, que dominou na área e foi seguro por Willems. Pênalti apitado por Danny Makkelie, que Luigi Bruins bateu com competência: bola num canto, Jeroen Zoet no outro, 1 a 1. O time de Phillip Cocu sabia que o empate não resolveria nada, muito pelo contrário, iria atrapalhar demais, então partiram ainda mais para cima e conseguiram marcar novamente aos 45 minutos com Luuk de Jong.

Com a vantagem em mãos, o PSV começou o segundo tempo desanimado demais, e para que o jogo tivesse um pouco mais de emoção, o time de Eindhoven teria que querer um algo mais na partida. Somente aos 83 minutos, o PSV confirmou sua vitória, quando Pröpper dominou do lado oposto, chutou na saída do goleiro, e Hicham Faik desviou acidentalmente para o gol vazio, ratificando o 3 a 1 e a 13ª vitória consecutiva fora de casa do PSV no Campeonato Holandês, quebrando recorde histórico da liga – que pertencia ao próprio clube, em 1987/88. O jogo também ficou marcado pelo reencontro dentro de campo de Siem e Luuk de Jong, será que essa dupla conseguirá dá muitas alegrias ao PSV? Ou melhor, será que iremos ver essa dupla novamente juntas na Oranje?

O PSV volta as suas atenções agora para a Champions League, aonde terá pela frente o Rostov na Rússia. Por sua vez, o Excelsior vai até Deventer enfrentar o Go Ahead Eagles em busca de uma vitória, até porque em casa, o time não soube fazer seu dever de casa e vencer o PSV.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: