Retrospectiva da temporada 2015/16 - Willem II

Confira os principais fatos que aconteceram com o Willem II na temporada 2015/16.

Retrospectiva da temporada 2015/16 – Willem II

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

WILLEM

Colocação final: 16ª colocação, com 29 pontos – manteve-se na Eredivisie via repescagem

Técnico: Jurgen Streppel

Maior vitória: Willem II 3×0 Cambuur (15ª rodada)

Maior derrota: Willem II 0x4 Ajax (26ª rodada)

Principal jogador: Lucas Andersen (atacante)

Artilheiro: Erik Falkenburg (11 gols)

Quem mais partidas jogou: Kostas Lamprou (goleiro) e Erik Falkenburg (meio-campista), que jogaram todas as 34 partidas

Copa nacional: eliminado nas oitavas de final, pelo Feyenoord

Competição continental: Nenhuma

Conceito da temporada: Ruim

Jurgen Streppel (Principal simbolo da volta por cima do Willem II)

Jurgen Streppel (Principal simbolo da volta por cima do Willem II)

O Willem II já sabe que não terá uma das suas principais peças para a próxima temporada, estamos falando de uma peça que fica no banco de reservas, é Jurgen Streppel, o treinador que conseguiu salvar a equipe de um possível rebaixamento para a Jupiler League.

Essa saída do treinador para o SC Heerenveen, é nada mais, nada menos que uma prova que o trabalho desenvolvido pelo técnico foi bom, e uma equipe mais estável enviou uma proposta para o treinador seguir seu caminho em outro lugar.

Erik Falkenburg (Artilheiro da equipe na temporada 2015/16)

Erik Falkenburg (Artilheiro da equipe na temporada 2015/16)

A equipe de Tilburg abusou demais dos erros, principalmente no segundo turno, quando somou cinco empates em cinco rodadas. A equipe fez a segunda pior campanha do returno, e poderia está numa situação pior, caso não tivesse somado uma gordura na primeira metade da Eredivisie.

Os tricolores até que tinham uma equipe organizada, e foi se reforçando ao longo da temporada, mas os novos jogadores que desembarcaram em Tilburg não funcionaram e o time foi caindo ainda mais de rendimento. No ataque era aonde o time tinha sua principal força, Lucas Andersen e Erik Falkenburg comandavam o ataque do Willem II em busca de dias melhores.

Lucas Andersen (jogador que veio do Ajax e ajudou bastante os tricolores)

Lucas Andersen (jogador que veio do Ajax e ajudou bastante os tricolores)

Na defesa, Kostas Lamprou falhava demais durante os jogos, e quando o ataque marcava os gols, a defesa não conseguia segurar o resultado, dificultando ainda mais o trabalho do setor ofensivo.

Então os Kruiken conquistaram o direito de permanecer na Eredivisie 2016/17 dentro de campo, isso porque nos Play-Offs a equipe bateu o NAC Breda que terá que disputar mais uma temporada na Jupiler League.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: